terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Wingsuit flying

Wingsuit flying é esporte de voar no ar através do corpo humano, utilizando um macacão especial que molda o corpo em um aerofólio, chamando de wingsuit. Wingsuit pode dar a partida de qualquer lugar que tenha altitude suficiente para poder deslisar no ar, como Base jumping, pára-quedismo ou aeronaves, por causa que o pouso é feito através de um para-quedas.
Foi criado por volta de 1996 pelo pára-quedista francês Patrick de Gayardon, com o objetvo de almentar o tempo de queda livre e também a velocidade horizontal atingida pelos pára-quedistas.

Tecnicament o macacão consiste em asas que são colacadas entre as pernas e braços , que funcionam com velames, sendo composta de dois lados e contém estrutura de nylon ligando as duas partes, as partes que são ligadas são braços com o tórax e na junçaõdas pernas com o quadril, existem entradas de ar para que as asas fiquem inflamadas e rigidas.

A velocidade do wingsuit é de entorno 120km/h verticalmente e 200km/h horizontalmente.

No Brasil, o wingsuit chegou no começo de 1999 , mais agora ja esta mais popular. Algumas pessoas que já estao muito tempo praticando o wingsuit continuão praticando apenas pelo prazer de poder voar com seu propri corpo e fazer manobras utilizadas pelos pilotos de aviões caças.

Cuidados a serem tomados quando for saltar com o macacão um deles é o tipo de pára-quedas a ser utilizado, que deve ter caracteristicas de boa abertura. Outro cuidado a ser tomado é a equipagem já que os tirantes de perna ficam dentro do macacão, dificultando um pouco os ajustes. Se caso aconteça alguma coisa durante o salto ou a abertura do pára-quedas existe um sistema de desconexão das asas localizado nas pernas, proximos das mãos que pode ser acionado a qualquer momento.

Alguns Recodes
Em 24/07/2008, o medico australiano Glenn Singleman saltou de 37.000 pés sobre a Austrália central para estabelecer um recorde mundial de salto mais alto de wingsuit.
Em 12/11/2009, a USPA consistiu de 68 pára-quedistas em uma formação de ponta de uma felcha em Lake Elsinore, California.
video

Um comentário:

  1. Matéria até que legal, mas está na hora deste blog ser mais objetivo e atento às postagens realmente interessantes para atualidade, geografia e história.

    ResponderExcluir